1 de jun de 2013

A tristeza, o que fazer quando ela vem.

Por que conseguimos prestar apoio aqueles que se encontram tristes e não conseguimos nos dar apoio quando a tristeza bate em nossa porta?
Por que as vezes temos uma palavra de ânimo e incentivo para nossos amigos quando eles se encontram tristes mas não conseguimos motivar a nós mesmos quando nós estamos tristes?

É pessoal, o ser humano em toda sua complexidade e capacidades tem dessas coisas, somos seres altamente sensíveis, seja na capacidade de estar feliz ou triste. Nós somos assim. E uma grande pergunta que bate na cabeça de muitos é:

"Como bloquear ou anular sentimentos como ódio e tristeza e ainda fortificar outros?"

Posso dizer que isto é uma pergunta que muito tem martelado a cabeça de muita gente, estudiosos, filósofos, religiosos, médicos, nós. Algumas pessoas tem a capacidade de simplesmente bloquear alguns sentimentos e isto acontece inconscientemente, mas e quanto aos outros, o que fazer?

Que postura tomar quando a tristeza vem? O que fazer quando algo acontece e realmente abala nossas estruturas? É uma tarefa árdua, mas não é uma tarefa impossível. A primeira coisa a ser feita, é focar em coisas que nos deixam feliz, tire sua mente daquilo que te prende a tristeza e foque em sua felicidade, segundo pratique sua felicidade, pratique-a e quanto mais você praticá-la você verá que mais ela estará ao seu redor. E um grande fator determinante é: FAÇA OS QUE TÃO AO SEU REDOR FELIZ E A FELICIDADE IRÁ TE ENVOLVER. Pratique isso e veja que faz toda a diferença.

Por Felipe Rocha

Nenhum comentário: